Destaques do Perfil dos Comerciários Paranaenses 2016

Com base nos dados da RAIS 2016 (Relação Anual de Informações Sociais) do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego), elaboramos um Perfil dos Comerciários Paranaenses, alguns destaques dos dados:

O número de trabalhadores no período de 2006 a 2016 aumentou 44,67%, passando de 452.077 em 2006 para 654.040 trabalhadores em 2016, apesar das reduções ocorridas nos anos de 2015 (-1,77) e 2016 (-1,81%), com a perda de 24.017 empregos em dois anos, representando uma queda de 3,54%; A distribuição entre os segmentos, observamos que em 2016 a maioria dos trabalhadores estavam no Comércio varejista (69,5%), seguido pelo Comércio por atacado, exceto veículos automotores e motocicletas (18,6%) e Comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas (12,0%); A remuneração média em dez/2016 era de R$ 1.919,19, aumento de 149,35% em relação a remuneração média em dez/2006 (R$ 769,69), sendo que a inflação acumulada no período de 2007 a 2015 foi de 85,95%, portanto a remuneração média teve um aumento real de 34,10% no período; Em 2015, o Perfil dos Comerciários Paranaenses eram o seguinte:

-     Com relação a gênero, os homens representavam 54,9% e as mulheres 45,1% do total;

-     Faixa etária: as faixas com maiores participações no total eram a de 30 a 39 anos (27,3%), de 18 a 24 anos (24,0%) e de 25 a 29 anos (17,7%), chama atenção o aumento da participação da faixa etária de 50 a 64 anos, que passou de 5,1% em 2002 para 10,9% em 2016;

-     Grau de instrução: há uma concentração muito grande no ensino Médio Completo (60,20%), que teve um aumento significativo nos últimos anos, pois representava em 2002 menos de um terço dos trabalhadores (33,1%);

-      Faixa de tempo no emprego: observamos mais de um terço dos trabalhadores com menos de 1 ano de emprego (35,0%), evidenciando a alta rotatividade do setor, seguida pela faixa de 1 a 2 anos de emprego (19,1%), com mais de 5 anos de emprego temos apenas 18,4% dos trabalhadores;

-      Faixa de tamanho da empresa: verifica-se que a maioria dos trabalhadores do setor está em empresas menores, com até 19 vínculos concentra 59,0% dos trabalhadores, nas empresas com 100 ou mais trabalhadores, empregam apenas 15,0% dos trabalhadores do setor;

-      Faixa de rendimento em dez/2016: as maiores participações estão nas faixas até 1,50 salários mínimos (33,8%) e de 1,51 a 3,00 salários mínimos (48,9%), acima de 5 salários mínimos tinham apenas 4,6% dos trabalhadores.

Fonte: DIEESE

FECEP - Federação dos Empregados no Comércio do Estado do Paraná

Endereço: R. Mal. Hermes, 910 - Centro Cívico

Telefone: (41) 3352-2754 - Fax: (41) 3252-3121