UNICOM promove reunião online sobre gênero, tecnologia e teletrabalho

No dia de hoje, 07 de outubro, comemora-se o Dia Mundial do Trabalho Decente. Para compartilhar alguns assuntos importantes sobre o tema a Confederação Sindical Unicom Mercosul realizou um seminário online por meio da plataforma Zoom. O objetivo da reunião foi discutir sobre tecnologias, teletrabalho e a atual situação da equidade de gênero no mercado de trabalho durante a pandemia.

Presidente da UNICOM e da Federação dos Empregados no Comércio do Estado do Paraná (FECEP), Leocides Fornazza, ofereceu boas vindas aos participantes e apresentou suas observações sobre a atual situação do teletrabalho no Brasil. "Ainda é muito preocupante o frequente crescimento do desemprego em nosso país. Nosso setor vem sendo um dos mais afetados e o teletrabalho vem extinguindo o comércio tradicional e as vendas diretas entre comerciário e cliente", alertou Leo.

Na sequência foi convidada Sofía Scasserra, economista, professora e pesquisadora do Instituto Mundo do Trabalho Julio Godio da UNTREF (Universidade Nacional de Tres de Febrero) apontou algumas situações preocupantes no atual cenário do teletrabalho. "Normalmente as casas são bastante bagunçadas. A mulher, em especial, que está em teletrabalho, o faz na perspectiva de se encarregar da economia produtiva e reprodutiva, da carga de ter filhos em casa. Geralmente não têm uma mesa ou um ambiente adequado para isso, papéis que se juntam, campainhas e telefones que não param de tocar, em uma demanda constante de trabalho e de vida privada. A vida fica bastante bagunçada. Existe um tipo de relação entre o público e o privado, entre o trabalho e a vida pessoal, em que o trabalhador não consegue distinguir o que é trabalho e o que não é", afirmou Sofía.

Isso mostra que a busca por medidas que organizam e viabilizam o teletrabalho de forma igualitária a todos os trabalhadores de diferentes setores de serviços em toda a América do Sul, continua. A realidade está muito longe do ideal para oferecer dignamente os direitos dos trabalhadores.

Na oportunidade, Maribel Batista Matos, especialista de atividades com trabalhadores da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Mercosul, apresentou um histórico dos direitos de trabalhadores no mundo e quais são os 4 princípios fundamentais da OIT para a defesa desses direitos e da igualdade de gênero.

A UNICOM reúne Confederações, Federações, Sindicatos e Centrais Sindicais de Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. Participaram da reunião Faecys - Argentina, Sentracos - Brasil, UGT - Brasil, Contracs - Brasil, Cona Racops - Paraguai, SEC - Argentina e Fuecys - Uruguai.

Fonte e foto: Comunicação FECEP

FECEP - Federação dos Empregados no Comércio do Estado do Paraná

Endereço: Av. Anita Garibaldi, 1933 - Ahú

Telefone: (41) 3352-2754 - Fax: (41) 3252-3121